Genium: será que ela chega ao Brasil este ano?

Lázaro Britto

Uma das “novidades” conferidas pelos visitantes durante a Feira Mundial de Ortopedia Técnica (World Congress Orthopädie + Reha-Technik), realizada em Leipzig, Alemanha, de 15 a 18 do mês passado, foi a Genium, a primeira prótese de perna para amputados transfemurais com tecnologia biônica da fabricante alemã Ottobock, líder mundial no desenvolvimento e comercialização de órteses e próteses ortopédicas.

O novidades entre parênteses foi proposital mesmo, porque o novo joelho – ao que parece – só ainda não chegou ao Brasil! Ele deu as caras oficialmente por aqui em setembro/outubro do ano passado, por ocasião do II Congresso Latino-Americano e VII Congresso Brasileiro de Ortopedia Técnica, promovido pela Associação Brasileira de Ortopedia Técnica (Abotec) em Natal, Rio Grande do Norte. Na época, o brasileiro Ezequiel Costa – o primeiro felizardo do país a utilizar a prótese – demonstrou durante a feira algumas das principais funcionalidades do equipamento.

De acordo com informações do fabricante, o joelho Genium é construído sobre uma plataforma de tecnologia protética inteiramente nova, que ajuda o usuário a fazer movimentos rápidos e complexos, como mudar de velocidade, por exemplo, passar com facilidade sobre obstáculos, e até andar para trás e subir escada alternadamente, funções não permitidas pelos demais joelhos, incluindo o C-Leg. O joelho possibilita ainda diferentes modos de atividades como esqui, patinação, snowboard, e andar de bicicleta.

FUNÇÕES – A proposta da prótese Genium é oferecer ao usuário o que há de mais próximo do movimento humano natural atualmente disponível, graças ao controle proporcionado pela mais recente tecnologia de sensor computadorizado existente no mercado de próteses. O conceito com inúmeras funções – denominado OPG (otimizado fisiológico da marcha) – possibilita que a prótese suporte um padrão de movimento mais natural, como o ato de subir escadas de forma alternada, uma solução que parecia impossível para as próteses desenvolvidas até então.

Freios ou outros perigos cotidianos também podem ser tratados com um padrão de movimento muito mais seguro. Com a função PreFlex, por exemplo, após o impacto do calcanhar sobre o chão, o Genium flexiona-se ligeiramente, permitindo que todo pé protético faça contato com o solo mais rapidamente. Além disso, a flexão posterior do joelho é controlada eletronicamente, dependendo da força que se ponha sobre a prótese, adaptando-se ao padrão de marcha de cada usuário. Tais fatores reduzem as forças de reação do solo e minimizam o risco de problemas ortopédicos subsequentes.

ESTABILIDADE – O gasto de energia e coordenação necessária para caminhar é significativamente reduzida, especialmente em subidas, descidas e em terrenos irregulares. O Controle Dinâmico de Estabilidade (DSC) adapta o sistema a todas as situações de movimento. Em termos simples, a função calcula o ponto ideal para a mudança da fase de apoio para a fase de balanço. Isso se traduz em maior segurança para o usuário, mesmo quando este tenta andar para trás, como se estivesse imitando os passos de dança que o rei do pop Michael Jackson fazia em seus shows.

A adaptação ao movimento do usuário é regulada automaticamente pelo DSC, independente da velocidade de caminhada, comprimento do passo ou tipo de calçado e vestuário que o amputado esteja usando. Porém, o alinhamento e a conexão de encaixe continuam desempenhando um grande impacto sobre a funcionalidade da prótese.

Segundo fontes ligadas à Ottobock do Brasil, o novo joelho continua em fase de testes, devendo estar disponível comercialmente entre este e o próximo ano, com tabela de preços para ortopedia ainda não definida pela empresa. O jeito é aguardar!

Leia também:

Novidades da Feira de Leipzig em imagens

Passo Firme – 06.06.2012
Curta e compartilhe o Blog Passo Firme no Facebook!

Anúncios

Um comentário em “Genium: será que ela chega ao Brasil este ano?

Obrigado por sua colaboração ao #PassoFirme!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s