Mesmo sem os pés, garoto de 11 anos comanda time de futebol da escola

O jovem Gabriel (foto) impressiona amigos, familiares e professores com sua habilidade no futebol e vira mais um personagem do quadro Superação, do Esporte Espetacular

Um menino de 11 anos, com energia de sobra, apaixonado por futebol. Nas peladas que disputa com os amigos, escolhe seus companheiros, monta o time e o chama sempre como Barcelona. E a sua inspiração, como não podia ser diferente, vem de Messi, o melhor do mundo. A história pode parecer comum a qualquer criança com essa idade, se o personagem principal dela, Gabriel, não fizesse isso tudo sem ter os dois pés. Um exemplo perfeito de superação.

Na hora do seu nascimento, a equipe médica ainda não tinha diagnosticado que ele nasceria sem ambos os membros. Para sua mãe, foi uma surpresa, o que gerou uma depressão pós-parto. “Eu estava meio tonta, mas vi que faltava alguma coisa. Rejeitei o meu filho, mas não porque eu quis. Aos poucos, fui dando banho nele. Dali em diante, o Gabriel virou o xodó da família. Quando ele começou, a gente falava: “Pedala, Robinho”, contou Sandra, a mãe de Gabriel.

E o menino cresceu e virou uma criança hiperativa. Além do futebol, luta capoeira, solta pipa, anda de bicicleta e pula o muro. “Ele só para para comer e depois continua”, disse sua mãe. Gabriel está no quarto ano do ensino fundamental. É o destaque do time da sua turma. Em 2011, disputou o primeiro campeonato da sua vida e já conquistou medalhas.

“Quando o vi pela primeira vez, não acreditei: ‘Como vou fazer com esse garoto?’ Coloquei para treinar, e ele me surpreendeu. Faz coisas que eu, com os dois pés, não consigo fazer. Quando chegamos ao ginásio, falei para ele entrar e fazer o que sabia. O menino arrasou. Deu banho, fez dois gols”, contou Sergio, professor e diretor da escola do jovem astro.

Gabriel, que foi criado pela mãe e pela avó, dona Maria Ruth, tem um sonho de ser jogador de futebol, no Barcelona, ao lado de Messi, seu ídolo, e de preferência usando a camisa 10. Sua habilidade é tamanha que as pessoas que o acompanham chegam a ficar impressionadas. “A gente até esquece que ele é uma criança especial”, afirmou Ronilda dos Santos, professora de Gabriel.

Veja aqui o vídeo de Gabriel jogando bola com os colegas de escola.

Fonte: Globo Esporte

Passo Firme – 28.07.2012
Vote no Blog Passo Firme para o TopBlog 2012!

Anúncios

2 comentários em “Mesmo sem os pés, garoto de 11 anos comanda time de futebol da escola

Obrigado por sua colaboração ao #PassoFirme!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s